domingo, 15 de maio de 2011

2 LP - Luz Própria

Postado por Priscila de Oliveira às 10:46 2 comentários Links para esta postagem
"Quem tem luz própria sempre incomoda quem está no escuro."


sexta-feira, 13 de maio de 2011

2 ENT - Eu Nunca Trocaria...

Postado por Priscila de Oliveira às 18:44 2 comentários Links para esta postagem


Eu nunca trocaria meus amigos surpreendentes, minha vida maravilhosa, minha amada família 
por menos cabelo branco ou uma barriga mais lisa.  Enquanto fui envelhecendo, tornei-me 
mais amável para mim, e menos crítica de mim mesmo.  Eu me tornei minha própria amiga...
Eu não me censuro por comer biscoito extra, ou por não fazer a minha cama, ou para a compra 
de algo bobo que eu não precisava, como uma escultura de cimento, mas que parece tão 
“avant garde” no meu pátio. 
Eu tenho direito de ser desarrumada, de ser extravagante.

Vi muitos amigos queridos deixarem este mundo cedo demais, antes de compreenderem a 
grande liberdade que vem com o envelhecimento.

Quem vai me censurar se resolvo ficar lendo ou jogar no computador até as quatro horas
e dormir até meio-dia?  Eu dançarei ao som daqueles sucessos maravilhosos dos anos 
60 &70, e se eu, ao mesmo tempo,  desejo de chorar por um amor perdido ....

Vou andar na praia em um maiô excessivamente esticado sobre um corpo decadente, 
e mergulhar nas ondas com abandono, se eu quiser, apesar dos olhares penalizados 
dos outros no jet set.

Eles, também, vão envelhecer.
Eu sei que eu sou às vezes esquecida.  Mas há mais, alguns coisas na vida que devem
ser esquecidas. Eu me recordo das coisas importantes.

Claro, ao longo dos anos meu coração foi quebrado.  Como não pode quebrar seu coração
quando você perde um ente querido, ou quando uma criança sofre, ou mesmo quando algum
amado animal de estimação é atropelado por um carro?  Mas corações partidos são os
que nos dão força, compreensão e compaixão.  Um coração que nunca sofreu é imaculado
e estéril e nunca conhecerá a alegria de ser imperfeito.

Eu sou tão abençoada por ter vivido o suficiente para ter meus cabelos grisalhos, 
e ter os risos da juventude  gravados para sempre em sulcos profundos em meu rosto.
Muitos nunca riram, muitos morreram antes de seus cabelos virarem prata.

Conforme você envelhece, é mais fácil ser positivo.  Você se preocupa menos com o que
os outros pensam.  Eu não me questiono mais.
Eu ganhei o direito de estar errado.

Assim, para responder sua pergunta, eu gosto de ser velha.
A "velhice" me libertou. 
Aprendi que Eu gosto da pessoa que me tornei. 
Eu não vou viver para sempre, mas enquanto eu ainda estou aqui, eu não vou perder tempo
lamentando o que poderia ter sido, ou me preocupar com o que será. 
E eu vou comer sobremesa todos os dias.

Que nossa amizade nunca se acabe porque é direto do coração!

terça-feira, 10 de maio de 2011

0 AI - Alma do Inocente

Postado por Priscila de Oliveira às 16:00 0 comentários Links para esta postagem
                                                        
                                                           Das Vantagens de Ser Bobo


- O bobo, por não se ocupar com ambições, tem tempo para ver, ouvir e tocar no mundo.

- O bobo é capaz de ficar sentado quase sem se mexer por duas horas. Se perguntado por que não faz alguma coisa, responde: "Estou fazendo. Estou pensando."

- Ser bobo às vezes oferece um mundo de saída porque os espertos só se lembram de sair por meio da esperteza, e o bobo tem originalidade, espontaneamente lhe vem a idéia.

- O bobo tem oportunidade de ver coisas que os espertos não vêem.

- Os espertos estão sempre tão atentos às espertezas alheias que se descontraem diante dos bobos, e estes os vêem como simples pessoas humanas.

- O bobo ganha liberdade e sabedoria para viver.

- O bobo nunca parece ter tido vez. No entanto, muitas vezes o bobo é um Dostoievski.

- Há desvantagem, obviamente: Uma boba, por exemplo, confiou na palavra de um desconhecido para a compra de um ar refrigerado de segunda mão: ele disse que o aparelho era novo, praticamente sem uso porque se mudara para a Gávea onde é fresco. Vai a boba e compra o aparelho sem vê-lo sequer. Resultado: não funciona. Chamado um técnico, a opinião deste era a de que o aparelho estava tão estragado que o conserto seria caríssimo: mais valia comprar outro.

- Mas, em contrapartida, a vantagem de ser bobo é ter boa fé, não desconfiar, e portanto estar tranqüilo. Enquanto o esperto não dorme à noite com medo de ser ludibriado.

- O esperto vence com úlcera no estômago. O bobo nem nota que venceu.

- Aviso: não confundir bobos com burros.

- Desvantagem: pode receber uma punhalada de quem menos espera. É uma das tristezas que o bobo não prevê. César terminou dizendo a frase célebre: “Até tu, Brutus?"

- Bobo não reclama. Em compensação, como exclama!

- Os bobos, com suas palhaçadas, devem estar todos no céu.

- Se Cristo tivesse sido esperto não teria morrido na cruz.

- O bobo é sempre tão simpático que há espertos que se fazem passar por bobos.

- Ser bobo é uma criatividade e, como toda criação, é difícil. Por isso é que os espertos não conseguem passar por bobos.

- Os espertos ganham dos outros. Em compensação os bobos ganham vida.

- Bem-aventurados os bobos porque sabem sem que ninguém desconfie. Aliás não se importam que saibam que eles sabem.

- Há lugares que facilitam mais as pessoas serem bobas (não confundir bobo com burro, com tolo, com fútil). Minas Gerais, por exemplo, facilita o ser bobo. Ah, quantos perdem por não nascer em Minas!

- Bobo é Chagall, que põe vaca no espaço, voando por cimas das casas.

- É quase impossível evitar o excesso de amor que um bobo provoca. É que só o bobo é capaz de excesso de amor. E só o amor faz o bobo.








Related Posts with Thumbnails